Pular para o conteúdo principal

Postagens

O QUE FAZER NO PANTANAL BRASILEIRO - Em outras palavas: o Pantanal é imenso e merece planejamento para explorar a maior planície alagável do planeta, uma área de 210 mil km² e quase mil espécies de animais, segundo o ICMBio.

O QUE FAZER EM UM PASSEIO PELO PANTANAL BRASILEIRO
Localizada entre o noroeste do Mato Grosso do Sul e o sul do Mato Grosso, no Centro-Oeste brasileiro, a região é dividida em Pantanal Norte (MT), formada por destinos como Cáceres (220 km de Cuiabá), Poconé (102 km) e Barão de Melgaço (110 km); e Pantanal Sul (MS), com destaque para cidades como Miranda (198 km de Campo Grande), Aquidauana (130 km) e Corumbá (420 km).  Em outras palavas: o Pantanal é imenso e merece planejamento para explorar a maior planície alagável do planeta, uma área de 210 mil km² e quase mil espécies de animais, segundo o ICMBio.  CONFIRA ATRAÇÕES  Pantanal Norte  ⇒ Transpantaneira  A MT-060 tem 140 km de extensão, entre Poconé, portal do pantanal mato-grossense, e a localidade de Porto Jofre.  Essa estrada de terra com trechos precários é melhor aproveitada a bordo de carros 4×4. Com 123 pontes – a maioria delas em madeira -, a Transpantaneira é conhecida pelas áreas alagadas que atraem animais em busca de alimen…

CAMPO GRANDE, MATO GROSSO DO SUL - Com ruas largas e arborizadas, não perdeu o jeito de cidade do interior. Ela é porta de entrada para o Pantanal Sul, a Serra da Bodoquena e o Parque Nacional das Emas (em Goiás)

CONHEÇA A CIDADE DE "CAMPO GRANDE", MATO GROSSO DO SUL, BRASIL Vista parcial da cidade de Campo Grande, MS (Wikipédia) Com ruas largas e arborizadas, não perdeu o jeito de cidade do interior. Ela é porta de entrada para o Pantanal Sul, a Serra da Bodoquena e o Parque Nacional das Emas (em Goiás). A temática pantaneira está presente nas pinturas que decoram alguns prédios e na gastronomia. Imigrantes paraguaios, bolivianos e japoneses também deixaram sua marca. O fuso horário marca uma hora a menos em relação a Brasília.  Polo de turismo de negócios, campo Grande surpreende por ser planejada, com trânsito organizado, muitas áreas verdes e vida social agitada (Tiago Moser) TREM DO PANTANAL Apesar do nome, o passeio entre Campo Grande (saídas aos sábados às 8h) e Miranda (chegada às 18h) não chega a explorar as paisagens típicas do Pantanal. A parada em Aquidauana está reservada para o almoço e, em Taunay e Piraputanga, há venda de artesanato. O trecho de volta, entre Miranda e C…

FIGUEIRÃO, MATO GROSSO DO SUL - Com rios límpidos, cachoeiras, paisagens de raríssima beleza e a famosa Pedra Bonita, ponto alto do turismo local

CONHEÇA A CIDADE DE "FIGUEIRÃO", MATO GROSSO DO SUL, BRASIL PRINCIPAIS PONTOS TURÍSTICOS: PEDRA BONITA DA CIDADE DE FIGUEIRÃO, MS É sem dúvida a mais tradicional referência de beleza de Figueirão. Localizada a apenas 5 km da cidade, ela, a Pedra Bonita, é a mais requisitada e visitada dos pontos naturais do Município, sendo até mesmo frequentada constantemente pelos munícipes, tamanho é o fascínio que exerce sobre todos.   (Prefeitura de Figueirão)

CACHOEIRA DO RONCADOR EM FIGUEIRÃO, MS Roncador é um rio de águas límpidas e possui formação rochosa em suas margens e leito, por isso em toda a sua extensão pode-se encontrar belíssimas cachoeiras, rodeadas de densa vegetação, formando paisagem de raríssima beleza, motivo de orgulho dos Figueirãoenses.  (Prefeitura de Figueirão) CRISTO DA CIDADE DE FIGUEIRÃO, MS Foi construído no alto da Serra das Araras no ano de 2004, pelo proprietário da Fazenda Rancho Figueirão, o Senhor Roberto Meireles Breves.  Fica a 5 Km da cidade e é local d…